AÇÕES POLICIAIS – Policial de folga reage e atira contra homem que tentava assaltar e ameaçava explodir ônibus no RJ

Ônibus da 1001 estava com 48 passageiros. Segundo a PM, policial constatou posteriormente que homem usava arma falsa. Ele ainda tentou socorrer Waldemir Moreira Santos, de 60 anos, que morreu no hospital. Homem tinha 20 anotações criminais.

Ônibus transportava 48 passageiros, entre ele, um policial militar que reagiu e matou o assaltante com dois tiros em Casimiro de Abreu — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Um policial militar de folga reagiu a uma tentativa de assalto e atirou contra o assaltante em um ônibus intermunicipal na RJ-162, Estrada Serramar, em Casimiro de Abreu (RJ), na madrugada desta sexta-feira (10).

De acordo com o 32º batalhão de Policia Militar, em Macaé, Waldemir Moreira Santos, de 60 anos, acabou morrendo no hospital. Segundo relato do policial, o bandido ameaçava explodir com uma granada o ônibus, conforme registrado na ocorrência:

“Em momento oportuno, buscando salvaguardar os 48 passageiros, incluindo crianças, realizou [o policial] abordagem ao acusado, ordenando que soltasse a arma, momento que “A” [suspeito] não obedeceu e apontou a arma para o policial, onde “V” [policial] efetuou 02 disparos com sua arma de fogo particular de marca Taurus (…) contra o acusado”.

A PM disse que após a ação e verificação de que os passageiros estavam bem, Waldemir foi levado ao pronto-socorro de Rio das Ostras, mas não resistiu aos ferimentos. O policial ainda identificou que a arma usada pelo bandido era falsa.

Com assaltante morto, foram recuperados celulares, carteiras masculinas, tablet, relógios, dinheiro, entre outros pertences dos passageiros, vítimas de assalto em Casimiro de Abreu — Foto: Polícia Militar/Divulgação

“Somente o acusado foi atingido, estando o policial e os demais ocupantes com sua integridade física preservadas”.
Waldemir tinha 20 anotações criminais por roubo e falsificação de documentos.

Com ele foram recuperados 08 aparelhos celulares, 04 carteiras masculinas, 01 tablet, 02 relógios, dinheiro, 02 fones de ouvido e outros pertences pessoais das vítimas.

 

 

Fonte G1/Inter TV