CABO FRIO – Estudantes da rede pública voltam às aulas após greve em Cabo Frio

Profissionais da Educação decidiram em assembleia pelo retorno das atividades após acordo sobre reajustes com a prefeitura.

 

Os estudantes da rede municipal de Cabo Frio voltaram às salas de aula nesta terça-feira (21) após a greve de 11 dias feita pelos profissionais da Educação.

Profissionais da Educação decidiram em assembleia pelo retorno das atividades — Foto: Divulgação/Sepe Lagos

O retorno foi decidido em assembleia realizada nesta segunda (20) pela categoria, que aceitou as propostas de reajuste da prefeitura.

De acordo com o Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação, o Sepe Lagos, as aulas perdidas serão repostas, mas ainda sem data definida. Segundo os servidores, 80% das 87 escolas da rede pública da cidade aderiram à greve.

O Sepe informou que a prefeitura se propôs a fazer a reposição no pagamento de junho com acréscimo de 8%, além de pagar o adicional de insalubridade para auxiliares de serviços gerais que higienizam sanitários de uso coletivo, e a isonomia salarial para inspetores de alunos e auxiliares de classe.

Novas negociações serão feitas em setembro.

 

 

Fonte G1/Inter TV