Defesa Civil inspeciona encostas do município para verificação de risco em São Pedro da Aldeia

Órgão está em estado de atenção e faz alerta sobre volume de chuva 

Uma equipe técnica da Defesa Civil de São Pedro da Aldeia inspeciona, nesta quarta-feira (20), as encostas de bairros do município com áreas propensas a risco de deslizamento de terra. Ao todo, até às 9h de hoje, foram registrados 27.8 milímetros de precipitação pluviométrica, índice considerado moderado para o período. Já são 15 horas consecutivas de chuva. Não há registros de ocorrências, pessoas desabrigadas ou desalojadas. 


A verificação das encostas tem como objetivo garantir a segurança de moradores e pedestres. De acordo com o coordenador da Defesa Civil aldeense, Ricardo de Lima, os trechos vistoriados nos bairros Porto da Aldeia, Mossoró, Fluminense e Rua do Fogo não apresentavam risco de deslizamento. 
 “A previsão é que continue chovendo até o fim de semana. Por enquanto, não encontramos indícios de deslizamento de terra iminente em nenhum dos trechos verificados, mas nossas equipes seguem atentas e à disposição da população”, disse Ricardo. 
Um apartamento localizado no condomínio Minha Casa Minha Vida, também no bairro Rua do Fogo, foi inspecionado após a proprietária acionar a equipe por notar infiltrações. O imóvel não precisou ser interditado. 
A Defesa Civil orienta os moradores para que não transitem em locais de terreno instável. Motoristas devem redobrar a atenção ao dirigir por trechos alagados. Postes e árvores inclinados, rede elétrica mais baixa do que o habitual, rachaduras em paredes e no solo são sinais de alerta. Em situações de emergência, a Defesa Civil pode ser acionada por meio do telefone 199. 
A Secretaria de Serviços Públicos ressalta que o lixo descartado de maneira irregular nas ruas da cidade contribui para a formação de bolsões d’água nas avenidas e alagamentos de bairros. A prefeitura pede a contribuição dos moradores.

Com informações da ASCOM/PMSPA
Texto: Larissa Siqueira
Fotos: Divulgação/PMSPA


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *