CONFERÊNCIA INTERMUNICIPAL DA PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL É SUCESSO EM SÃO PEDRO DA ALDEIA

O município de São Pedro da Aldeia sediou a 4ª Conferência Intermunicipal da Promoção da Igualdade Racial (COMPIR). A Conferência aconteceu durante dois dias e teve como principal objetivo debater o tema “Brasil na década dos afrodescendentes”. Estiveram presentes no evento o secretário de Educação, professor Walzi Sampaio, a subsecretária pedagógica, Isabel Mendes, e a vereadora Cláudia Gregório, dentre outras autoridades municipais. Cerca de 150 pessoas participaram do encontro, que contou com o apoio da Prefeitura aldeense.

O secretário de Educação, professor Walzi Sampaio, considerou uma grande honra poder abrir a 4ª COMPIR, com um tema extremamente sugestivo e que faz refletir. “Desejo igualdade, oportunidade, justiça absoluta e distributiva para todos, independentemente de suas inserções raciais, ideológicas e religiosas. E dentro do segmento representado, eu sinto uma grande energia, uma energia infinita que deverá trazer muito mais do que poesia na reversão do fato”, afirmou.

A abertura da Conferência, com participação de autoridades, aconteceu na sexta-feira (29), no Cine Estação. Já no sábado (30), o evento foi aberto com os representantes dos municípios integrantes da COMPIR. Durante toda programação,foram realizados momentos culturais, como a apresentação da Dança Angatur, o rap da consciência e cantigas, apresentação do grupo de Araruama “Os puros dancy” e roda de interação de expressões culturais afro-brasileiro.

Segundo o diretor de Políticas Públicas e Promoção da Igualdade Racial da SEMED, professor Sérgio Rodrigues, o objetivo de promover um debate sobre as políticas públicas de igualdade racial foi atingido. “Conseguimos tirar propostas para serem encaminhadas à Conferência Estadual e também para a Nacional. Agradeço ao Prefeito Claudio Chumbinho, ao secretário de Educação, Walzi Sampaio, e a equipe de gestão da SEMED por todo apoio dado para realização desse evento”, disse.

Os grupos de trabalho (GT’s) se reuniram no Centro de Formação Continuada Professora Ismênia Trindade dos Santos (CEFOR) para discussão dos três eixos: Reconhecimento, Justiça e Desenvolvimento. Em seguida, foi realizada a plenária final, com apreciação e votação dos resultados dos grupos de trabalho para o relatório final da Conferência. Também fizeram parte da programação a leitura e aprovação do regimento interno e apresentação das delegações para a Conferência Estadual.

Fonte ASCOM/PMSPA