Projeto Piauí Rio é inaugurado no Bondinho Pão de Açúcar

Sebrae no Piauí realiza evento para promoção do estado nordestino no Rio de Janeiro

Nesta quinta-feira (14/10), o Morro da Urca foi palco da abertura do Projeto Piauí Rio, capitaneado pelo Sebrae no Piauí, que convida cariocas, fluminenses e visitantes do Rio de Janeiro a conhecerem as belezas naturais e culturais do Piauí diretamente do Bondinho Pão de Açúcar. Durante cinco dias, uma ampla programação do estado nordestino ocupará um dos principais cartões postais do Rio de Janeiro.

No Projeto Piauí Rio, o Sebrae conta com a parceria do Governo do Estado do Piauí, Bondinho Pão de Açúcar, CRAB, Sistema Fiepi, Fecomércio Piauí e Sistema Faepi/Senar. Esse projeto envolve, além da Mostra “Piaí, Piaqui, Piauí” no Bondinho Pão de Açúcar, Exposição de Artesanato no CRAB – Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro e Encontro de Negócios de Turismo do Piauí.

Participaram da cerimônia de abertura o Governador do Piauí, Wellington Dias; o diretor superintendente do Sebrae no Piauí, Mário Lacerda; o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Piauí, Freitas Neto; e o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae RJ, Antonio Florencio de Queiroz Junior.

“Depois de quase dois anos, estamos tendo a oportunidade de realizar um evento dessa magnitude, de promoção do nosso estado. Nossa expectativa é bastante positiva, e tem se cumprido com o que temos presenciado. A cidade do Rio de Janeiro é o centro das atenções do turismo nacional e internacional, e o Bondinho Pão de Açúcar, a porta de entrada e o cartão de visita para o Brasil e o mundo. E o Encontro de Negócios de Turismo vem fortalecer ainda mais o destino ao possibilitar que conheçam nossas belezas, como a bela Rota das Emoções, assim como nosso artesanato, uma referência brasileira”, disse o diretor superintendente do Sebrae no Piauí, Mário Lacerda, durante o evento.

Até o dia 18 de outubro, uma moderna instalação no Bondinho Pão de Açúcar, diretamente do Morro da Urca, divulgará o destino turístico nordestino, famoso pelos seus parques nacionais, sítios arqueológicos, praias e Delta do Parnaíba, além de captar visitantes por meio de uma completa experiência sensorial pela natureza, cultura, gastronomia e artesanato piauiense.

Ao chegar no Morro da Urca, primeira parada do Bondinho Pão de Açúcar, dentro do anfiteatro há uma exposição que conta com a curadoria e concepção do diretor artístico Marcello Dantas. Cinco telas de projeção convidarão os visitantes a acompanharem uma narrativa imersiva pelas seguintes óticas: Máquina do Tempo (Arqueologia); No Rastro da História (Cidades); Do Rio ao Mar (Natureza); e Erudito e Popular (Arte e Cultura); acompanhada de uma instalação sonora com uma trilha típica regional, em um passeio pela Orquestra Sinfônica de Teresina, Induo (dupla de jovens sanfoneiros), Orquestra Bandolins de Oeiras, Sebastiana (São Raimundo), Caju Pinga Fogo e Maria da Inglaterra. Ainda no anfiteatro, para quem curte aventuras, as mais belas paisagens do estado do Piauí poderão ser conferidas do alto de uma asa delta ou em cima de uma prancha! Tudo isso através de modernos simuladores de voo e kitesurf, com óculos 3D, pelos ares e mares do Piauí.

Entre 15 e 17/10, um palco montado no Espaço Baía de Guanabara, onde fica a praça de alimentação do local, receberá duas apresentações culturais com artistas regionais, sempre às 11h e 16h30. As atrações serão Vagner Ribeiro e Valor de Pi, e Patrícia Mellodi, além da Orquestra Sanfônica do Rio de Janeiro, convidada pelo Sebrae no Piauí para se apresentar no evento.

Na área externa, duas esculturas revelarão as paisagens piauienses aos melhores cenários cariocas: a Pedra Furada, no Parque Nacional da Serra da Capivara, contrasta com o Morro da Urca. Já a Imagem da Praia do Coqueiro se sobrepõe à Baía da Guanabara. Serão dois conjuntos de barras nas quais, com o artifício da ilusão ótica, serão apresentadas as imagens que se revelarão com o movimento do espectador. Um colírio para os olhos.

O artesanato, a moda e o agronegócio, que fazem do estado do Piauí um importante polo no Nordeste, também estarão muito bem representados no evento. O espaço do expositor reúne cerca de 20 empresas. Será possível encontrar no local peças em cerâmica, rendas, arte santeira, cestaria e trançados em carnaúba, joalheria com opalas de Pedro II (únicas no Brasil), castanha, cajuína, cajuaça, mel, entre muitos outros símbolos da cultura regional, dando a oportunidade aos visitantes de levarem um pedacinho do Piauí para suas casas. A cajuína, bebida não alcoólica adocicada à base de suco de caju, tem Indicação Geográfica e é considerada Patrimônio Cultural do Estado do Piauí. Tem ainda a cajuaça, saborizada com a típica fruta, que encanta os fãs de cachaça.

No Mirante Maria Ercília, no Morro da Urca, um imenso mapa do Piauí proporcionará uma incursão inusitada pelos marcos naturais e geográficos do estado. São sinalizados cinco pontos, onde os visitantes, por meio de videoscópios digitais (telescópios com vídeos), poderão ver imagens de pontos turísticos do Piauí como se estivessem olhando diretamente para eles, entendendo ainda a sua localização geográfica.

Para entrada no Bondinho Pão de Açúcar, o visitante deverá apresentar documento de identidade com foto e comprovante vacinal contra Covid-19 correspondente a 1ª dose, 2ª dose ou dose única, respeitando o calendário de vacinação da sua cidade.

CRAB recebe Exposição de Artesanato do Piauí 

Dos 224 municípios do Piauí, pelo menos 180 deles têm um trabalho intenso de artesãos e produção de artigos feitos em madeira, cerâmica, linhas, sementes, opala e palha da carnaúba. Essas e outras matérias-primas típicas do estado inspiram e integram a Exposição de Artesanato do Piauí, no CRAB – Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro, localizado na Praça Tiradentes, no Centro do Rio de Janeiro, entre os dias 15 de outubro e 15 de novembro.

Com realização do Sebrae no Piauí e curadoria do designer Renato Imbroisi, a mostra foi pensada para valorizar o artesanato piauiense, destacando a sua diversidade e fortalecendo o patrimônio cultural, imaterial e natural do estado do Piauí.

O artesanato, as artesãs e os artesãos constituem a força central da exposição. Diversas técnicas são abordadas, como a cerâmica, a escultura em madeira dos tradicionais santeiros piauienses, a cestaria em carnaúba, os bordados, a tecelagem manual, a joalheria utilizando opalas de Pedro II, a renda de bilro e a renda de sisal, entre outras. As peças artesanais, feitas à mão por diversos núcleos de artesanato do Piauí selecionados para a exposição, serão comercializadas no CRAB, com pronta-entrega e também sob encomenda.

Encontro de Negócios de Turismo do Piauí

Um Encontro de Negócios de Turismo com vendas e prospecção de futuras parcerias para o destino Piauí junto às agências e operadoras locais também esteve na pauta do evento, no dia 14 de outubro, no CRAB.

O encontro de negócios trouxe ao Rio dez empresários do receptivo do Piauí para um networking com mais de 50 agentes de viagens, previamente selecionados, com o objetivo de apresentar produtos e serviços do Estado, além de capacitar os agentes para promoção e comercialização do destino turístico nordestino.

Serviço:

PROJETO PIAUÍ RIO

MOSTRA PIAÍ PIAQUI PIAUÍ

Bondinho Pão de Açúcar

Av. Pasteur, 520 – Urca

Visitação: Até 18/10/2021

Horário de Funcionamento:

Segunda-Feira · 10h às 18h45

Sexta-Feira a Domingo · 9h às 18h45

Entrada de visitantes somente até as 18h00

EXPOSIÇÃO NO CRAB

Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro (CRAB)

Praça Tiradentes, 69 – Centro

Visitação: De 15/10 a 15/11/2021

Horário de Funcionamento:

Terça-Feira a Sábado · 10h às 17h


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *