UNOPAR participa do I Encontro Municipal para Formação Continuada de professores, em Iguaba Grande

Foi realizado, nos dias 07 e 09 de agosto, no auditório da SEMEC, o I Encontro Municipal para Formação Continuada de professores do município de Iguaba Grande. O Encontro foi organizado pela Secretaria de Educação, Cultura e Esporte de Iguaba Grande, por intermédio do Núcleo Tecnológico Municipal, em parceria com a Universidade Norte do Paraná (UNOPAR). O evento teve como temática a BNCC (Base Nacional Comum Curricular) e a Inclusão no Contexto Escolar, com as palestrantes Darcy Andreoli, Solange Barros e Cláudia Dias que desenvolveram os temas com as palestras “Edu-cação Inclusiva-realidade nas escolas” e “BNCC- Conhecendo e aplicando”. O encontro contou com a presença do Secretário de Educação, Cultura e Esporte, Fred de Carvalho, além de colaboradores da SEMEC, da UNOPAR e profes-sores da Rede Municipal.

Foto Renato Fulgoni

Segundo Carol Guedes, Coordenadora Regional de Pós-graduação da UNOPAR, a parceria com a Secretaria de Educa-ção, Cultura e Esporte de Iguaba Grande teve uma grande importância, pois através dela, a UNOPAR está capacitando profissionais da educação e levando informação e conhecimento para esses profissionais.
“Desde terça-feira (07) e nessa quinta-feira (09) estamos dando uma capacitação com os nossos tutores sobre a BNCC, Base Nacional Comum Curricular, e sobre a educação inclusiva. Estamos fazendo essa parceria com direito a certifica-ção, carga horária para todos os professores base de apoio do município de Iguaba Grande. A importância desse even-to é muito grande, pois estamos conhecendo o município e vendo toda base, todo amparo e com bolsas de Pós-graduação, brindes e doações de livros”, disse Carol Guedes.

Daniela Miranda, gestora do Polo da UNOPAR de São Pedro da Aldeia, agradeceu o convite do Secretário de Educação, Cultura e Esporte, Fred de Carvalho, e destacou as ações realizadas pela UNOPAR, líder em Educação à distância.

“Nós recebemos esse convite e é um privilégio estar representando a UNOPAR dentro desse projeto ligado a secretaria de Educação de Iguaba, onde nós trouxemos o que nós temos de melhor, que é a informação para agregar dentro do que os professores da rede já praticam muito bem. O município de Iguaba, hoje, é referência em atendimento a alunos de educação especial inclusiva e nós, como parceiros, não poderíamos ficar de fora e trouxemos, para esses dois dias de eventos, duas tutoras palestrantes, que são pedagogas ligadas a área de ensino que vieram somar. A UNOPAR tem como missão transformar através da educação, vamos além da sala de aula do polo, nós temos parcerias em empresas e prefeituras, como essa parceria com o Secretário de Educação, Cultura e Esporte, Fred de Carvalho, e a gente está muito feliz em estar aqui, por que nós estamos promovendo o que temos de melhor que é a informação e a educação. A UNOPAR está com 45 anos de mercado, somos líderes em Educação à distância, somos pioneiros e referência para outras instituições. Foram dois dias que todos esses profissionais, ligados diretamente a secretaria de educação, pude-ram compartilhar, através de discussões sobre esses temas ligados a educação especial e inclusiva.

Daniela Miranda destacou, também, a chegada da UNOPAR em São Pedro da Aldeia.
“Nós estamos dentro do projeto de expansão, somos da mesma rede de Cabo Frio, que tem sete anos e é um polo maduro, e dentro do projeto de expansão de Araruama e Saquarema a gente vem desenvolvendo, desde outubro do ano passado, que foi quando a cidade nos recebeu e agora já estamos com turmas no segundo semestre. Estamos muito felizes por estar em São Pedro da Aldeia, sabemos o quanto isso vai fazer diferença na cidade e para a popula-ção, por que a UNOPAR, como instituição, ela não vai focar somente nos cursos, pois temos parcerias e levamos para a população palestras e eventos”, disse Daniela Miranda.

Foto Renato Fulgoni

De acordo com a professora de Educação Infantil, Susana Rocha, da Escola Municipal Ernestina Soares de Azevedo, o evento abre um leque de oportunidades e faz os profissionais pensarem no seu dia-a-dia e nas condutas adotadas em sala de aula.
“A gente renova nossa mente, renova nossos estudos e com isso buscamos mais informações. É um evento onde po-demos compartilhar conhecimentos ampliando assim nosso entendimento como educadores, nos mostra recursos e diferentes formas de trabalhar e desempenhar um bom papel”, disse a professora.
Logo após o término das palestras, foi realizado o sorteio de 1 Bolsa de 100%, 1 de 50% e 3 Bolsas de 30%, além de blindes.

Fotos e Texto: Renato Fulgoni